Esta notícias foi vista280vezes!

A empresa Corredor de Desenvolvimento do Norte, SA, actual concessionária do Porto de Nacala e do Sistema Ferroviário do Norte do País, acaba de aumentar a sua frota de material circulante com a aquisição de mais 03 locomotivas chegadas no início do mês corrente para suportar o transporte de carga no corredor ferroviário, trazendo ganho de capacidade e tracionamento de carga geral.

As recém-chegadas locomotivas 201, 202, e 203 são modernas, de fabricação GM, modelo GT 26 com uma capacidade de 3000 HP.

Estas locomotivas fazem parte do primeiro lote de um total de 09 locomotivas, que deverá ficar completo nos próximos dois meses do corrente ano com a chegada das restantes 06 máquinas, que vão reforçar o parque de material circulante e melhorar a performance operacional da empresa.

O Director Executivo da CDN, Amado Mabasso refere que esta aquisição surge no âmbito do contínuo cometimento por parte da CDN na melhoria da capacidade de transporte da carga geral nacional e em trânsito para os países do Interland, Malawi e Zâmbia.

Paralelamente, a esta aquisição, a empresa está actualmente no processo final de conversão de 67 vagões que consiste  na mudança do sistema de freio “de vácuo para ar comprimido” ao qual teve início em Marco último e termina em Junho corrente, que vai igualmente trazer melhorias nas operações ferroviárias permitindo a realização de comboios mais longos em termos de composição de vagões e melhorará a eficácia dos freios.

A preocupação pela melhoria e qualidade dos serviços é uma aposta estratégica da empresa que em 2013 investiu aproximadamente 20 milhões de dólares americanos na aquisição de 10 locomotivas e 12 carruagens novas oferecendo um novo serviço de transporte de passageiros de Nampula a Cuamba e vice-versa de reconhecidas melhorias de qualidade e segurança.