Esta notícias foi vista217vezes!

A CDN não poderia ter iniciado o ano de 2016 da melhor forma, com tanta energia e expectativa devido a implementação do programa de capacitação interna da primeira turma de Engenheiros Ferroviários, oriundos de diversos pontos do País.

A capacitação teve início em Nampula, no dia 4 de Janeiro do corrente ano, na sala de formação C, e a turma é composta de 24 quadros recrutados com formação superior em Engenharias diversas, sendo que 20 são recém- contratados no mercado e 4 já faziam parte do quadro de pessoal da empresa, com o objectivo de revitalizar o quadro de mão-de-obra operacional em toda a empresa.

O curso visa dotar os formandos de conhecimentos e habilidades específicas em transporte ferroviário, abrangendo novos conceitos, ferramentas, metodologias de apoio à gestão e manutenção de operações ferroviárias e é o primeiro treinamento de especialização organizado e financiado pela CDN, e os instrutores são internos com experiência em determinadas matérias de operação e manutenção ferroviária.

A realização do curso é feito num regime intercalar, os formandos são submetidos a uma aula teórica seguida de uma visita técnica, e o mesmo terá a duração de 632 horas entre aulas teóricas e visitas técnicas, incluindo maior conhecimento de todos processos de RH, S&S, MA, 5S, PDCA e comunicação, associado a uma visão sistémica de todos os processos de operação e manutenção da cadeia ferroviária da CDN.

Depois da conclusão do curso, a empresa espera dos formandos uma visão ampla e integrada de toda a cadeia ferroviária, constituindo, desta forma, a demanda de mão-de-obra especializada nas áreas de operação e manutenção ferroviária.

Sérgio Paunde, Director dos Recursos Humanos e comunicação da CDN, salientou que o objectivo é recrutar jovens sem experiência em ferrovia e dotá-los de conhecimentos, cultura, disciplina e linguagem ferroviária.

Que sejam mais-valia para empresa, e que se juntem aos restantes colaboradores no desafio de sair dos atuais 400mil toneladas ano, para 4 milhões de toneladas/ ano.