Esta notícias foi vista67vezes!

A CDN sempre acredita que o investimento humano é uma forma de garantir o crescimento dos seus colaboradores e da empresa, por isso, para além de treinamentos contínuos que tem oferecido aos trabalhadores próprios e contratados, oferece, igualmente, oportunidades de bolsas de estudos.

A bolsa de estudo na CDN é uma oportunidade oferecida aos trabalhadores que frequentam Ensino Técnico Profissional e Ensino Superior em instituições de ensino nacionais e abrange somente colaboradores próprios.

A atribuição de Bolsas é regida pelos seguintes critérios: ser trabalhador da empresa pelo menos dois anos, não ter nenhuma sanção disciplinar, pretender frequentar o curso de interesse para empresa e ter idade compreendida entre 25-35 anos para Homens e25-40 para mulheres.

Recordar que a CDN é guiada pela filosofia de “valorizar o colaborador.

Seguem alguns testemunhos das pessoas que se beneficiaram de bolsas de estudo na CDN e concluíram os seus cursos.

1. Henriques Medita

Ingressou na CDN no ano de 2009, como Técnico Médio em Construção Civil. Beneficiou-se da Bolsa de estudo e agora é Engenheiro Civil, formado pela Universidade Politécnica em Nampula.

“Tenho um sentimento de satisfação, porque, a CDN ajudou-me a realizar o meu grande sonho que era de me formar um Engenheiro Civil.
Sinto que sou uma pessoa que dá o máximo na empresa. E daqui em diante, pode-se esperar mais de mim.”

2. Ulisses Pedro ChambalaEntrou na CDN no ano de 2007, como Técnico Médio em Electricidade, anos depois teve Bolsa de estudo e formou-se em Engenharia Eléctrica na Universidade Politécnica em Nampula.

“Daqui em diante a empresa pode esperar de mim muita inovação, proactividade e dinamismo no trabalho. Sinto-me honrado por ter beneficiado da bolsa de estudo, aprofundar e consolidar os conhecimentos em electricidade”.

3. Homen Cristo de Minda Pedro

Juntou-se a Concessionária CDN no ano de 2007, como Técnico Médio em Mecânica Geral. Beneficiou-se da Bolsa de estudo e formou-se em Engenharia Mecânica na Universidade Politécnica de Nampula.

“Ser bolseiro da CDN no meio de muitas pessoas é um privilégio e consideração. Agradeço a empresa por acreditar em mim e nas minhas capacidades, e sugiro que a CDN continue com esta vontade de investir na formação dos seus colaboradores.